Conhece a manicure à americana?

Nunca tirei a cutícula. Nem da mão, nem do pé (para desespero de algumas manicures, já que isso não é comum aqui no Brasil). Minha mãe me ensinou a empurrar, desde pequena, e peguei o hábito. Só tiro os cantinhos.

E se esqueço de avisar a manicure dessa minha opção, a cutícula tirada levanta inteirinha, feito uma espiga de milho. Feio!

Descobri que além de ficar mais bonita, também protejo minhas unhas de fungos (principalmente em temporada de praia) agindo assim.

A esmaltação americana, sem tirar a cutícula, protege a unha...

A esmaltação americana, sem tirar a cutícula, protege a unha…

O divertido foi que, outro dia, descobri que isso se chama esmaltação americana. “Aí, é só aplicar o esmalte deixando uma fina margem entre a cor e a pele ao redor”, explica a manicure Fabiana Maria da Silva, do salão Grace Hair Boutique, em São Paulo. Ela conta que para que seja possível esmaltar a unha com a técnica americana (sem retirar cutículas), o truque é iniciar a esmaltação ao meio da unha, para que seja possível espalhar o esmalte até às margens, sem encostar na borda. “Começar a esmaltação ao meio: treinar iniciar a pincelada ao centro da unha e então, preencher o restante.” Eu e as dermatos recomendamos!

O Avoplex, da OPI, é uma canetinha muito prática. Duas ou três passadinhas no sinal fechado e as cutículas ficam hidratadas e lindas.

O Avoplex, da OPI, é uma canetinha muito prática. Duas ou três passadinhas no sinal fechado e as cutículas ficam hidratadas e lindas.

E para manter a pele sempre hidratada, abuse das canetinhas, como a da OPI. Essencial para manter as mãos bonitas, se você virar adepta do método.

Unhas oleosas: você tem?

Unhas naturalmente brilhantes podem ser sinal de oleosidade extra...

Unhas naturalmente brilhantes podem ser sinal de oleosidade extra…

Já ouviu falar em unhas oleosas? Pois esse pode ser o motivo do esmalte não durar nadinha nas suas! Quem avisa é Solange Gonçalves, treinadora da D-Unhas (que faz as unhas pelo método espanhol, sem usar o palito. Saiba mais aqui!) no Brasil. Ela explica que essa gordura natural faz o esmalte durar menos. Como descobrir se é o seu caso? “Unhas naturalmente brilhantes podem denunciar a característica”, diz ela. E como driblar o caso? Usando lixa polidora (bem fininha e não agressiva, ok?), evitar removedores à base de óleo (como os lencinhos) e selar as pontas com o pincel do esmalte.

Nada disso funcionou? Apele para a esmaltação permanente, com esmate em gel, que dura até 15 dias.

Você cuida da beleza quando está triste?

Será que Scarlett também fica assim? Quando estou chateada, tratamentos me dão uma preguiiiça...

Será que Scarlett também fica assim? Quando estou chateada, tratamentos me dão uma preguiiiça…

Outro dia percebi que, quando estou meio chateada, deixo de lado todos os tratamentos de beleza. Não vejo graça em passar anti-idade, fico com preguiça de aplicar o creme para o redor dos olhos, não dá ânimo para fazer máscara nos fios, mesmo que seja por 3 minutos. Curioso, não?

Gloss rosinha levanta um pouco: amo o Birthday Cake, da bareminerals e o Glossimer 148, de Chanel resolvem bem.

Gloss rosinha levanta um pouco: amo o Birthday Cake, da bareminerals e o Glossimer 148, de Chanel resolvem bem.

Em compensação, apelo para a maquiagem para dar um up. BB Cream (ando realmente apaixonada pelo da L’Occitane), blush (não dá para viver sem, ainda mais em dia pouco animados), um gloss rosinha e máscara para cílios, pelamordedeus!

O brilho delicado do Cha Cha Cha, da coleção House of Beauty para Bu, pode ajudar.

O brilho delicado do Cha Cha Cha, da coleção House of Beauty para Bu, pode ajudar.

Fazer a mão e o pé também ajudam a sair da onda down (mas deixar a pele macia dá uma preguiiiça…). Até depilar com cera pode ajudar (aquele cheiro doce e quentinho do mel é acolhedor…). Mas como sou adepta da lâmina, capricho é no sabonete que faz bastante espuma. E você? Como fica a sua rotina de beleza quando está chateada? Escreva! Fiquei curiosa.

Esmalte: luxo na mão, criatividade nos pés

Combinação da semana para ficar impecável (não vai me dizer que você só pinta mãos e pés da mesma cor… Veja só a técnica para combinar bem):

Isso é um nude de festa que vai do churrasco à noite de contatos...

Isso é um nude de festa que vai do churrasco à noite de contatos…

. Nas unhas (bem tratadas, lógico) das mãos, o incrível Quartz, de Chanel: ele é um nude de festa (sim, tenho uma queda por nudes nas mãos), com brilho discreto. Uma coisa. Não é um dourado qualquer. É mais fechado, chique. Funciona da festa, à balada, passando pelo churrasco com os amigos.

Tomorrow's Red é inquietante. Mas o No Limits é um violeta/pink que mora no meu coração e vai passar um bom tempo nos meus pés!

Tomorrow’s Red é inquietante. Mas o No Limits é um violeta/pink que mora no meu coração e vai passar um bom tempo nos meus pés!

 

. Nos pés, lisinhos, que tal mostrar que você não é tão séria e inatingível assim? Muito pelo contrário… É criativa, divertida, destemida, curiosa… Amei esta dupla de esmaltes da coleção Guy Bourdin, da Nars. O vermelho é inquietante e o fúcsia, provocativo. Meu preferido!